Escuta, Cecília :

É importante que no dia do músico a gente tenha o conhecimento de que temos uma padroeira. Mais que uma padroeira, uma mártir !

Ferida três vezes no pescoço com uma espada, a lenda diz que Santa Cecília ainda viveu três dias antes de morrer, convencendo pessoas a transformar suas casas em igrejas. E que existia um certo anjo de Deus que a ameaçava caso violasse sua virgindade, que acabou custando seu casamento com Valerian. E seu nome, oh céus,  não consta no Livro dos Mártires.

St_cecilia_guido_reni

Escuta, minha santa, nos compadecemos de sua causa !

Também morremos pela nossa música, nada mais importante. Pobre do ser que se atreve a disputar nosso amor com ela. Não sabe que nosso som é o carbohidrato que nos engorda e nos dá energia pra viver. Se nos tiram isso, ficamos magros, doentes, xoxos, pálidos, sem vida.

Cecília, como todo mártir , também somos vítimas da incredulidade social, desde a blitz policial com sua famosa máxima “- É músico, mas trabalha em quê ? ” até o esforço não compensado de uma vida inteira de estudo.

O melhor corredor ( o atleta ), certamente leva a medalha de ouro, o lutador mais forte e mais ágil, o cinturão. Já o melhor dos musicistas pode morrer pobre e no ostracismo, pois tocar e cantar é apenas uma parte do trabalho. Como se não bastasse, a indústria do entretenimento enterrou a poesia a sete palmos de onomatopéias. Greve das consoantes !

Santinha, também temos vários anjos e demônios dentro de nós cochichando entreouvidos para que não nos vendamos e não nos  afastemos de nosso ideal. E apesar disso, diariamente somos tentados a nos afastar dele à medida que o tempo passa e os planos de saúde ficam mais caros.

Por falar nisso, minha santa, a Unimed comprou a Golden. Dá pra resolver ?

Ceci, depois de um puta show, virados no samurai, com a pombagira em cima, também podemos demorar três dias pra chegar em casa e morrer na cama. E isso também, acredite, pode custar nosso casamentos.

Poderia somente, Cecizinha, ao invés de ter transformado casas em igrejas, ter criado mais casas-de-santo, que são mais democráticas e menos preconceituosas. De quebra, elas ainda têm os tambores ancestrais que nos reviram as entranhas do pensamento até os pêlos dos membros superiores, de quem é e de quem não é do babado.

Escuta bem, Cecília : Também damos contribuições imensas pra vida das pessoas, diariamente, e muitas vezes não somos sequer lembrados.

Cecizoca, eu sei que estamos juntos, mas não estamos, meu bem, misturados. Quero que pegue fogo no mar pra eu comer peixe frito e tu peixe assado. Dorme com essa aí, do Marçal.

Feliz dia do músico, atrasado, porque se músico nunca chega na hora, imagina os parabéns….

Anúncios

6 thoughts on “Escuta, Cecília :

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s